Campo de grama natural do Nosso Clube terá sistema de irrigação automatizada

Método sustentável vai garantir qualidade do gramado e economia de água

 
O campo de futebol de grama natural do Nosso Clube está passando por uma completa revitalização. No momento, está em curso uma obra conduzida pela BRK Ambiental, concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto de Limeira, para modernização de um trecho da rede entre a rua Boa Morte e a avenida Ana Carolina, que passa sob o gramado. A canalização do esgoto ali existente é bastante antiga e provocava afundamento no solo, assim a BRK decidiu pela substituição por um encanamento mais eficiente.
 
Após a conclusão dessa obra, prevista para os próximos dias, será retomado o projeto para garantir a qualidade da grama durante todo o ano. Nesse sentido, o presidente do Nosso Clube, Sérgio Boni, firmou uma parceria com o engenheiro agrônomo pós-graduado em Gerenciamento Ambiental Richard Drago Filho, proprietário da Green Paisagismo e Meio Ambiente, que há alguns meses assumiu o trabalho de manutenção do campo.
 
AUTOMAÇÃO
 
Além disso, outra parceria, com a Suproser Irrigação, permitirá a instalação de um sistema fixo de irrigação automatizada, que vai utilizar aspersores escamoteáveis, como aqueles dos campos profissionais. Os aspersores ficarão enterrados a uma profundidade na qual não causam problemas aos esportistas e seu funcionamento será controlado para irrigar o campo uniformemente, no período noturno, economizando água e liberando a área para práticas esportivas durante o dia.
 
“A automação faz com que o sistema aplique exatamente o que está programado, economizando energia e água, tornando o processo inteligente e sustentável”, explica Alexandre Gaib, sócio-proprietário da Suproser. “Ainda será instalado um sensor climático, que, ao receber uma determinada quantidade de chuva, impede que o sistema entre em funcionamento”. 
 
Segundo Gaib, esse mesmo sensor ainda detecta a temperatura e a insolação que o gramado está recebendo e reprograma automaticamente o controlador de irrigação, o que pode gerar uma economia de até 30% no consumo de água, além de manter as condições de desenvolvimento do gramado em nível ótimo. “O objetivo é resolvermos o problema de modo definitivo, para contarmos com um campo em excelentes condições de uso para nossos associados durante o ano inteiro”, afirma o presidente Sérgio Boni.
Voltar